PARAJAPS

Parajaps 2017

05/11/2017

Resultado de muita dedicação: Curitiba é campeã geral da Bocha Adaptada

O esporte é recheado de exemplos de superação, amor e dedicação para se chegar ao lugar mais alto do pódio. Na Bocha Adaptada, sobram motivos para os atletas se orgulharem ao conquistar uma medalha, seja ela qual for. Quem esteve presente nesse sábado, 04, no Ginásio de Esportes Valdir Pinheiro, na Vila Olímpica de Maringá, pode se sensibilizar ao ver vidas transformadas pelo esporte e histórias inspiradoras.

As partidas do dia foram decisivas para que fossem conhecidos os campeões da modalidade em todas as categorias: BC1, BC2, BC3 e BC4. A cidade de Curitiba levou o troféu de campeão geral, o que foi motivo de muita alegria para o professor Darlan Ciesielski, que esteve à frente da delegação nesta modalidade. “Essa é uma conquista muito importante, porque mostra o potencial que Curitiba tem de construir e renovar os atletas. Então, é motivo de muito orgulho estar aqui e poder levar pra Curitiba o troféu de campeão geral da Bocha Paralímpica”, explica Darlan.

Na classe BC1, o campeão veio de União da Vitória. O atleta Edson César Slonski. Edinho, como é chamado pelos amigos e torcedores presentes, venceu a final contra o atleta colombense Matheus Alves Leite. Completando o pódio da classe, o atleta curitibano Pablo Rafael Bloot levou a medalha de bronze.

Podium da classe BC1 da Bocha adaptada (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)
Podium da classe BC1 da Bocha adaptada (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)

O pódio da classe BC2 foi inteiro de Curitiba. O primeiro lugar ficou com Antonio Gelson dos Santos Alves, que venceu a campeã do ano passado, Bianca Gonçalves Ribas. O bronze da classificação ficou com Elcio Montagnini.

Os três atletas medalhistas da categoria BC2 são de Curitiba (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)
Os três atletas medalhistas da categoria BC2 são de Curitiba (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)

O atleta bolsista do Talento Olímpico do Paraná – TOP, programa do Governo do Estado, Richardson Ferreira, de Paranaguá, foi campeão da categoria BC3. Richardson venceu o atleta de União da Vitória, César Didek. O bronze ficou com a curitibana Andressa Tathiane Martins.
 
Atleta TOP campeão da categoria BC3: Richardson Ferreira (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)
Atleta TOP campeão da categoria BC3: Richardson Ferreira (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)

Na classe BC4, o multi-campeão Eliseu dos Santos, ficou com a medalha de ouro. O atleta que tem em seu currículo cinco medalhas paralímpicas venceu a final contra Everson Martins de Almeida, também de Curitiba. O bronze ficou com Marcelo dos Santos, irmão de Eliseu, que também é medalhista paralímpico.

Podium da classe BC4 com os irmãos medalhistas paralímpicos (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)
Podium da classe BC4 com os irmãos medalhistas paralímpicos (Foto: Thiago Chas/SEET-PR)

Darlan Ciesielski, já com o troféu de campeão geral em mãos, destaca que fundamental para os resultados obtidos foi a importância que Curitiba dá para os Jogos Abertos Paradesportivos do Paraná. “Curitiba sempre, desde o primeiro PARAJAPs, buscou trazer os melhores atletas de todas as modalidades e buscou participar do maior número de provas. Isso torna o PARAJAPs uma das competições estaduais que a prefeitura mais dá importância junto com os Jogos da Juventude. Então, a gente considera o PARAJAPs um evento de altíssimo nível e que é necessário se fazer presente”, finaliza.

Clique aqui e confira a classificação final completa da modalidade nesta 6ª edição dos PARAJAPs.



Acompanhe a fanpage dos PARAJAPs: facebook.com/jogosabertospr

Os Jogos Abertos Paradesportivos do Paraná, PARAJAPs são promovidos pelo Governo do Paraná por meio da Secretaria do Esporte e Turismo e com o apoio do município de Maringá.

COM/JAPs 2017
Thiago Chas
thiagochas@gmail.com
+55 41 99893-4946
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.