PARAJAPS

PARAJAPS

Futsal

26/11/2017

Ponta Grossa conquista o título do futsal feminino nos JAPs

Emoção não faltou na decisão do futsal feminino da 60ª edição dos Jogos Abertos do Paraná, divisão A, em Apucarana. Em uma partida de muita qualidade e equilíbrio, digna de uma final, a equipe de Ponta Grossa venceu Londrina por 6 a 4 e sagrou-se campeã da modalidade. Na disputa pelo terceiro lugar, Guarapuava venceu Maringá por 5 a 3 e ficou com o bronze.

Ponta Grossa campeã do futsal feminino da 60ª edição dos JAPs. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)
Ponta Grossa campeã do futsal feminino da 60ª edição dos JAPs. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)

O JOGO


A partida começou muito equilibrada com as duas equipes se respeitando bastante. Com a troca de passes, os times se estudavam procurando uma brecha para tentar finalizar. Quem balançou primeiro a rede foi Londrina, aos nove minutos, com Karina. Em resposta, o time dos campos gerais foi pra cima e teve uma penalidade máxima marcada ao seu favor, após a atleta londrinense pegar a bola com mão dentro da área. Na cobrança, Flaviane converteu e marcou outro gol em seguida.

Mesmo com a vantagem no placar, o time de Ponta Grossa preferiu continuar ofensivo, chegando ao terceiro gol com Giselli após uma boa arrancada da capitã. Resultado que deixava o time mais tranquilo e a vontade para arriscar, exigindo muitas defesas da goleira londrinense.

Muito equilíbrio na final do futsal femininos nos JAPs. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)
Muito equilíbrio na final do futsal feminino nos JAPs. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)

No segundo tempo, a equipe ponta-grossense queria mais. Tabela bonita do time e Flaviane marcou mais um aos 21 minutos. Quem assistia a partida poderia até pensar que estava tudo definido, pelo contrário. Londrina foi atrás do resultado e a história mudou. Com muita raça, em menos de 10 minutos três gols marcados, Amanda e Glória (2) deixaram tudo igual, e consequentemente a disputa mais emocionante.

Chegando perto do apito final, as duas equipes tentavam de todas as formas o gol da vitória e do título. Até que faltando dois minutos para a decisão ir para os pênaltis, Flaviane fez ótima jogada, deixando a goleira no chão, e tocou para Renata que só teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol. Sem forças, o time londrinense jogou com goleiro linha, mas não foi o suficiente para reverter o resultado.

Um dos destaques da partida, Flaviane afirma que com o alto nível das finalistas, um fator faria a diferença na decisão. “As duas equipes são bem qualificadas, o que iria prevalecer é quem errasse menos e foi a gente. Tivemos algumas falhas, saímos com três gols de diferença, elas empataram e fomos buscar de novo. Foi na garra, na força e no coração”, disse.

Ponta Grossa e Londrina fizeram uma ótima partida na grande final. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)
Ponta Grossa e Londrina fizeram uma ótima partida na grande final. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)

Sobre a conquista, a atleta acredita ser resultado de uma superação e dedicação do grupo que focou no objetivo, superando as adversidades. “De toda a campanha foi muito a vontade de cada uma. Nosso time já veio com praticamente todas machucadas e outras se machucaram aqui. Então, foi muita determinação. O grupo é muito bom. É excelente”, falou.

O técnico Carlos Eduardo Malaquias, o China. avaliou a partida. “Estávamos bem no início, perdemos algumas oportunidades e em uma infelicidade levamos um a zero. A equipe se manteve equilibrada, conseguiu marcar o 3 a 1 e estava bem. Após o quarto gol deu uma acomodada e Londrina cresceu no jogo. Mas as meninas com a experiência que têm conseguiram acalmar os ânimos e buscaram a vitória para coroar o nosso trabalho”. Além disso, o comandante acredita que a força de vontade foi o diferencial. “Jogos Abertos é uma competição diferente. Tem que ter tática e técnica, mas se joga com o coração. É jogo após jogo, tem as dificuldades, mas o grupo estava realmente fechado e queria o título, o terceiro para a cidade de Ponta Grossa”, declarou.

Muita festa da equipe ponta-grossense no pódio. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)
Muita festa da equipe ponta-grossense no pódio. (Foto: Thaise Oliveira/SEET-PR)

Vencendo uma forte equipe, China fez questão de falar sobre o time adversário, reconhecendo o alto nível das atletas londrinenses. “Londrina cresceu muito durante o ano. São as mesmas meninas, mas com outra maneira de jogar e tem os seus méritos de chegar à final. Tenho certeza que se o título estivesse com elas estaria em boas mãos, mas agora vamos comemorar bastante”, finalizou.

O terceiro lugar ficou com a equipe de Guarapuava após vencer Maringá por 5 a 3 no ginásio Eros Boscardin Torres em Cambira.


Em breve mais fotos da partida na página dos Jogos.


Acompanhe a fanpage dos JAPS:
www.facebook.com/jogosabertospr

Os Jogos Abertos do Paraná são promovidos pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Esporte e Turismo com apoio do município de Apucarana.

COM/JAPs:

Thaise Oliveira
thaiseoliveira@live.com
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.