PARAJAPS

Rugby

27/11/2017

Rugby de Londrina retorna aos JAPs com medalha de ouro em Apucarana

Atletas do Rugby londrinense comemoram primeiro título nos Jogos Abertos do Paraná (Foto: Vinicius Araujo/ SEET-PR
Atletas do Rugby londrinense comemoram primeiro título nos Jogos Abertos do Paraná (Foto: Vinicius Araujo/ SEET-PR

Após 5 anos, e 3 edições de ausência nos Jogos Abertos do Paraná, a equipe londrinense de rugby voltou à cena da principal competição nos moldes olímpicos do Estado com o melhor resultado possível: a medalha de ouro. Desde 2012, quando a modalidade ingressou no rol oficial dos Jogos Abertos do Paraná, Londrina não teve representantes entre os rugbiers, mas após o resultado obtido neste retorno, nunca mais deverá ficar de fora.

Apucarana sediou a maior competição de Rugby em todas as edições dos JAPs, o que só valoriza a conquista londrinense. Entre as 11 equipes inscritas, também houve um equilíbrio de forças que pôs tempero na disputa da modalidade, já que nenhuma delas conseguiu finalizar a competição de forma invicta. A própria campeã sofreu uma derrota para Maringá em sua estreia dos JAPs, e apenas a partir daquele resultado começou a superar seus adversários.

A primeira a ficar pelo caminho foi Umuarama, ainda na fase de grupos, quando os londrinenses decidiram a classificação para as quartas de final e venceram por 33 a 7. Na manhã de domingo, a então campeã Cascavel ficou pelo caminho após um jogo equilibradíssimo, que só encerrou em 12x7 no marcador a favor de Londrina.

Experiência da equipe de Londrina foi fundamental para vencer 4 dos 5 jogos na competição (Foto: Vinicius Araujo/ SEET-PR)
Experiência da equipe de Londrina foi fundamental para vencer 4 dos 5 jogos na competição (Foto: Vinicius Araujo/ SEET-PR)

Nas semifinais foi a vez de Foz do Iguaçu ser superada de forma incisiva pelos londrinenses que venceram por 26x0, acumulando forças para enfrentar a final contra Guarapuava, que havia batido Maringá no jogo anterior. O confronto seria duríssimo, já que os Lobos Bravos tinham a melhor defesa da competição, tendo sofrido apenas 7 pontos nos 5 jogos disputados. Além disso Guarapuava tinha um ataque avassalador, já que a equipe converteu 185 pontos, enquanto nenhuma outra equipe superou a barreira dos 100.

Se os números indicavam um certo favoritismo a favor de Guarapuava, desde o início do jogo Londrina passou a dominar as iniciativas de jogo, e buscando manter o jogo sempre na defesa adversária. O pontos demoraram a sair, mas logo antes do intervalo, os londrinenses conseguiram seu primeiro try e os primeiros 5 pontos no placar.

Na segunda etapa, Guarapuava buscou o equilibrar a partida, e conseguiu furar a defesa adversária para marcar o try para empatar a partida, e em seguida converter o kick, o que deixou os Lobos Bravos à frente do placar. Mas o dia era de Londrina que a quatro minutos do final do confronto conseguiu marcar seu segundo try e controlar a partida até confirmar a vitória.

Momento do try decisivo para a equipe de Londrina na final contra Guarapuava (Foto: Vinicius Araujo/ SEET-PR)
Momento do try decisivo para a equipe de Londrina na final contra Guarapuava (Foto: Vinicius Araujo/ SEET-PR)

Acompanhe a fanpage dos JAPS:
www.facebook.com/jogosabertospr


Os Jogos Abertos do Paraná são promovidos pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Esporte e Turismo com apoio do município de Apucarana.

COM/JAPs:

Vinicius Araujo
as.viniciusaraujo@gmail.com
(41) 99847-9493
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.