PARAJAPS

Handebol

19/11/2018

Em seu primeiro ano de participação nos PARAJAPS, Marechal C. Rondon é o grande campeão do HCR masculino

A grande final do handebol masculino em cadeiras de rodas (CR) marcou o último dia da competição com a vitória do time estreante: Marechal Cândido Rondon. Após quatro dias de disputas na sétima edição dos Jogos Paradesportivos do Paraná (PARAJAPS), a equipe conseguiu chegar invicta na final, vencer Toledo e levantar o troféu de campeão neste domingo, 18, no Ginásio de Esportes Moringão, em Londrina.

(Foto: Riana Carvalho / SEET - PR)
Equipe campeã do handebol masculino em cadeira de rodas nos PARAJAPS 2018. (Foto: Riana Carvalho / SEET - PR)

Participando do PARAJAPS pela primeira vez, Marechal Cândido Rondon chegou mostrando que veio para fazer história quando venceu dois jogos no primeiro dia de disputa. Abrindo a competição, o time enfrentou Cianorte e venceu por 2x0 (parciais: 06x04/06x01). Os meninos enfrentaram também o atual campeão, Toledo, e em um jogo acirrado, venceu o primeiro e o último set e finalizou a partida em 2x1 (parciais: 04x02/00x06/04x03).

Buscando a vaga para a grande final, a equipe fez outro jogo acirrado, desta vez contra Maringá. Ao perder o primeiro set, os rondonenses reagiram nos dois últimos e conquistaram a partida, garantindo a classificação para a fase final (parciais: 03x06/06x03/02x00).

Grande final: Marechal Cândido Rondon x Toledo

O jogo da grande final movimentou a torcida, que veio para incentivar as equipes. A disputa entre Marechal Cândido Rondon e Toledo foi emocionante, já que os rondonenses buscavam a primeira vitória e os toledanos o título de bicampeão. Mas apesar da garra de ambos, o campeão foi revelado: Marechal Cândido Rondon, que venceu por 2x0 (06x03/05/01) e conquistou o primeiro troféu de ouro nos PARAJAPS.

A vitória é vista com muito orgulho pelo capitão do time Paulo Ricardo Franco, que conta que o treinamento intenso e a garra de vencer foram essenciais em quadra. “Estávamos se preparando muito forte, nosso treinamento foi bem intenso e graças aos nossos esforços, nosso objetivo foi cumprido. Primeira vez que estamos disputamos e começamos com o pé direito”. O atleta que joga handebol há dez anos e que já foi Seleção Brasileira almeja mais títulos para o seu histórico no esporte. “Agora temos o brasileiro, que vamos continuar com os trabalhos para fazer bonito. E ano que vem tem uma nova convocação para a Seleção Brasileira, então continuarei me preparando para ser convocado. O handebol é o que eu gosto de fazer e o esporte tem essa magia”, completa Paulo.

Foto
Marechal Cândido Rondon comemora vitória em seu primeiro ano de participação nos PARAJAPS. Lado esquerdo: técnico Anderson Ceroni Cândido, capitão Paulo Ricardo Franco e a técnica Adriana Franzmann. (Foto: Riana Carvalho / SEET - PR)

A técnica Adriana Franzmann, que acompanhou o time em quadra, não segurou a emoção ao falar do título e comemorou a participação do município nos PARAJAPS. “É uma emoção diferente, é demais. Além das outras modalidades, que conseguimos nove medalhas no atletismo, no parabadminton uma inédita, que foi o terceiro lugar, no tênis de mesa o quarto lugar. Tudo inédito, nosso ônibus vai voltar mais pesado para casa”.

O resultado dos atletas do município de Marechal Cândido Rondon é visto positivamente por Adriana. “Que os resultados sirvam de incentivo para que mais gente venha participar conosco, demos o ponta pé inicial e queremos aumentar a equipe em todas as modalidades”, finaliza.


Os Jogos Abertos Paradesportivos do Paraná são promovidos pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Esporte e Turismo com apoio do município de Londrina.

Acompanhe mais informações sobre o esporte do Paraná em: esporte.pr.gov.br
Visite e siga a fanpage dos PARAJAPS: facebook.com/jogosabertospr
Visite e siga a fanpage da SEET: facebook.com/seetparana



COM/PARAJAPS

Riana Carvalho
rihcarvalho@hotmail.com

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.